DJ Academy

02 Calibrar o tempo

O beatmatching é uma técnica de mistura de áudio estreitamente relacionada com o crossfading. Permite-lhe ligar diferentes faixas de música – geralmente nos géneros techno, house ou trance (mas o hip hop, rap ou R&B também podem funcionar: o ritmo apenas tem de ser suficientemente pronunciado) – mantendo as mesmas BPM.

O que é beatmatching?

Como tal, uma das principais missões do DJ é ajustar o tempo da faixa B (a faixa de entrada) para ser o mais próximo possível do tempo da faixa A (a faixa de saída). Para conseguir isto, irá ouvir a faixa B apenas nos seus auscultadores e compará-la “de ouvido” com a faixa A em reprodução nos altifalantes na sala, ajustando a velocidade de reprodução da faixa B com a velocidade da faixa A, que o seu público já está a ouvir e a dançar ao som da mesma (a isto chama-se “phasing step”, ou etapa de faseamento).

Quando tiver a certeza de que a sincronização dura há tempo suficiente (pelo menos 20 ou 30 segundas ou mais, de preferência), pode levar a faixa B de volta para o início (mantendo o ajuste do tempo) e utilizar o seu controlador de mistura para aumentar gradualmente o volume da faixa de entrada de forma elegante e suave, ao mesmo tempo que diminui gradualmente o volume da faixa de saída.

Ser capaz de fazer isto com êxito implica, pois, que tenha de conhecer na perfeição as faixas que pretende reproduzir, incluindo o modo como progridem as diferentes secções de cada faixa de uma para a outra – intro, verse, chorus, bridge, outro (a conclusão da faixa, ou seja, o oposto da introdução da faixa) – de modo a gerir corretamente as transições entre faixas.

Algumas técnicas a ter em mente:

Dropping on the One

Quando reproduzir a sua primeira faixa e esta se aproximar do fim (ou seja, o outro), deve começar a pensar em iniciar a segunda faixa para coincidir com a batida acentuada da primeira faixa: a isto chama-se “Dropping on the One”. O nosso software DJUCED® permite-lhe analisar a música com waveforms (formas de onda), bem como através de batidas e barras, para ajudar visualmente o DJ.

Ajustar a fase de uma faixa para corresponder à fase de outra faixa

Acabámos de ver a importância de iniciar a segunda faixa para coincidir com a batida acentuada da primeira faixa; no entanto, o “Dropping on the One” nem sempre é perfeito. Daí que o DJ precise de ajustar a fase da segunda faixa para corresponder à fase da primeira faixa: isto significa acelerar ou abrandar temporariamente a segunda faixa, de forma que as respetivas batidas fiquem alinhadas corretamente com as batidas da primeira faixa. Irá executar este passo nos seus auscultadores. O desafio ao realizar isto de ouvido consiste em saber se a faixa que pretende ajustar está à frente ou atrás da faixa anterior.

Crossfading entre duas faixas

Referimo-nos ao crossfading entre duas faixas como o ponto de transição: o DJ irá aumentar ou diminuir gradualmente o volume entre as faixas utilizando um controlador de mistura. Existem muitos tipos diferentes de transições possíveis, utilizados de acordo com o estilo de mistura do DJ, a música em reprodução e o hardware disponível.

Como usar o pitchfader?

Next: 03 Noções básicas

Tem de aprender as técnicas básicas para se tornar um DJ proficiente e criativo.